20 pensamentos do psicólogo Carl Jung que podem ajudar na autocompreensão

 

  • Não prenda quem se afasta de você. Assim, quem deseja se aproximar de você não irá conseguir fazê-lo.
  • Tudo aquilo que nos irrita nos outros nos leva a um melhor entendimento de nós mesmos.
  • Se você é uma pessoa talentosa, não quer dizer que tenha recebido algo. Quer dizer que você pode dar algo.
  • O encontro de duas pessoas é como o contato entre duas substâncias químicas: quando há uma reação, ambas se transformam.
  • Nada tem uma influência psicológica mais forte em seu ambiente, e especialmente em seus filhos, do que a vida não vivida de um pai.
  • A vida não vivida é uma doença que pode levar à morte.
  • Sua visão só ficará mais clara quando você olhar para dentro do seu coração. Aquele que olha para fora, sonha. Quem olha para seu interior, desperta.
  • A solidão não chega por você não ter pessoas ao seu redor, e sim por não conseguir comunicar as coisas que são importantes para você, ou por manter certos pontos de vista que os outros consideram inadmissíveis.
  • Me mostre uma pessoa sã e eu a curarei para você.
  • Temos a tendência de olhar para o passado, para nossos pais; e para a frente, para nossos filhos, para um futuro que nunca iremos ver, mas do qual queremos tomar conta.
  • Aquilo a que você resiste, persiste.
  • A depressão é como uma senhora vestindo preto. Se ela chegar, não a expulse. É melhor convidá-la para a mesa e ouvir o que ela tem a dizer.
  • Às vezes, as mãos resolvem um mistério com o qual o intelecto lutou em vão.
  • O sonho é uma pequena porta secreta abrindo-se durante a noite cósmica que a alma era muito antes do surgimento da consciência.
  • Um homem que não cruzou o inferno de suas paixões, nunca as superou.
  • As pessoas fazem o que for, não importa o absurdo que seja, para evitar o confronto com sua própria alma.
  • Eu não sou o que me aconteceu. Sou o que escolhi ser.
  • Podemos chegar a pensar que não controlamos nada por completo. Porém, um amigo pode facilmente nos contar algo sobre nós de que não fazíamos nem ideia.
  • ‘Mágico’ é apenas outra palavra para definir a alma.
  • De uma forma ou de outra, somos partes de uma só mente que tudo engloba, um único ‘grande homem (…)’.
FONTEIncrível
Compartilhar
Psicologias do Brasil
Informações e dicas sobre Psicologia nos seus vários campos de atuação.



COMENTÁRIOS