Animação mostra como somos acostumados a esconder nossas emoções

“Tudo bem?” A gente vive perguntando se as pessoas estão bem, embora a resposta padrão, “tudo”, não queira dizer nada. Afinal, quem aí já disse para um desconhecido ou para o vizinho, no elevador, que nem tudo estava tão bem assim? A verdade é que nós escondemos nossas verdadeiras emoções o tempo todo – do “tudo bem” a cumprimentar ou puxar assunto com uma pessoa da qual você não gosta muito, em função de uma aparência e de um bem-estar social.

Essa curiosa máscara que vestimos até mesmo sem perceber é 0 tema deste curta de animação intitulado “Appearance and Reality” (“Aparência e Realidade”, em português). Em uma história simples, mas que cabe no dia a dia de muitos de nós, um homem mantém um semblante e movimentos calmos e sérios durante diferentes situações, enquanto que suas emoções vão da alegria à tristeza.

Vale a pena assistir ao vídeo e repensar todas as emoções que a gente engole a seco. Precisa mesmo ser assim?

TEXTO ORIGINAL DE HYPENESS

Compartilhar
Psicologias do Brasil
Informações e dicas sobre Psicologia nos seus vários campos de atuação.



COMENTÁRIOS