Por Adriana de Araújo

Quem convive com crianças já deve saber o que é o fidget spinner; um aparelhinho com hélices que ao ser girado, fica se movimentando por um certo tempo, formando desenhos e padrões. Ele é considerado um brinquedo para alívio do estresse. Embora o fidget spinner tenha o intuito de ajudar a todos, certas pessoas são mais beneficiadas que outras. O formato é sempre muito parecido, com diferentes cores e matérias.

A ideia é que tenha um rolamento central e isso possa girar, rodar. Não é a mesma coisa que um peão, mas tem pontos em comum, como por exemplo, o foco de atenção e concentração que vou explicar agora nesse artigo.

Indicações do fidget spinner

Esse brinquedo é indicado para produzir relaxamento e isso de fato pode acontecer para algumas pessoas. Uma das razões é que a criança ao girar o brinquedo se concentra plenamente, põe sua atenção no movimento do fidget spinner e foca a mente no tempo que o brinquedo leva para se manter girando. Inclusive, ao girar de forma repetida, seja pelo movimento ou pela luz (presente em alguns modelos), o aparelho pode gerar um tipo de transe hipnótico, provocando um estado de atenção diferenciado, com foco mental de concentração.

Ou seja, a atividade pratica:

  • Foco de atenção
  • Concentração no tempo
  • Observação
  • Controle das emoções (é preciso aceitar e esperar o movimento do brinquedo).

São recursos internos necessários para o estudo, trabalho e relacionamento. Saber organizar a mente com esses pontos acima citados é fundamental para uma boa interação social.

É interessante dizer que esse tipo de atividade pode contribuir para melhoria da concentração mental, mas nem mais nem menos que tantos outros simples treinamentos e exercícios de atenção. A própria meditação contribui para isso. Ou mesmo as práticas de mindfulness também são bem vindas e indicadas. E tantos outros exercícios mentais, tais como o Alfabet Game (conhecido como CHART no Brasil) que é uma técnica da Programação Neurolinguística (PNL).

Especialmente para crianças especiais

Crianças com diagnóstico de TDAH, autismo ou ansiedade costumam ter grande dificuldade de lidar com as emoções e concentração da atenção. Algumas pessoas assim, se perdem nos pensamentos e confusões mentais. Com isso, atividades especificas e direcionais, como esse brinquedo, são tidas como necessárias para o bem-estar.

Mais do que calmaria mental que esse brinquedo oferece, o envolvimento com uma atividade pontual pode ser mais motivador para essas crianças do que para outras pessoas.

Nem sempre o fidget spinner funciona

Há quem talvez não se beneficiem tanto com esse tipo de brinquedo, pois conseguem gerenciar de outras maneiras as emoções. O peão que citei anteriormente pode ser mais motivador para pessoas sem algum tipo especifico de diagnóstico emocional, pois ali envolve um maior desafio através da coordenação motora, interação, ação e participação efetiva no processo.

Como usar para ter mais benefícios

Agora, o mais importante é saber como utilizar esse brinquedo que pode ser usado como ferramenta de alívio e bem-estar. Não é indicado que as crianças misturem atividades que devem prestar atenção e que é preciso que haja interação com o uso do brinquedo.

Ou seja, não funciona em nada, dividir a atenção ou agir sendo “multitarefas”. O uso do fidget spinner serve justamente para não estimular a divisão de atenção e conseguir concentração plena a cada atividade que se faz. Por isso, o uso correto do produto pode contribuir para uma melhora e o mau uso atrapalha o rendimento nas atividades necessárias. Quem tem que estudar, por exemplo, não deve fazê-lo brincando com fidget spinner. Uma coisa ou outra. Quem tem que assistir a aula, por exemplo, também não deve fazê-lo com outras atividades que lhe distraiam a atenção do conteúdo oferecido pelo professor.

Ainda sim, o tratamento psicológico ou psiquiátrico (quando necessário) é indicado para a cura e bem estar daquilo que se precisa. O brinquedo ou outra ferramenta indicada é fundamental como complemento.

Imagem de capa: Shutterstock/Ink Drop

TEXTO ORIGINAL DE MINHA VIDA

Compartilhar

RECOMENDAMOS


Psicologias do Brasil
Informações e dicas sobre Psicologia nos seus vários campos de atuação.

COMENTÁRIOS