Inconsciente: O porão da mente.

De acordo com a teoria psicanalítica nossa mente contempla três instâncias: CONSCIENTE (lugar da razão, percepção da realidade), PRÉ CONSCIENTE (memórias a serem recordadas com um mínimo esforço) e INCONSCIENTE (desejos e afetos que foram afastados da consciência).

Pois bem, vamos comparar nossa mente como uma casa, da qual retiramos tudo o que há em excesso, o que nos desagrada e tudo aquilo que não queremos ver e depositamos no porão ou naquele quartinho escondido que não deve ser aberto por qualquer pessoa. Porém, as vezes nossa casa precisa de uma (re) organização, o porão não suporta mais tudo que está lá dentro e precisamos de um novo lugar para guardar nossas “velharias”.

Podemos dizer que nosso inconsciente é o porão da nossa mente, que guarda tudo aquilo com o que queremos evitar entrar em contato. Mas, chega um momento que nos damos conta de que ele possui muito mais coisas do que imaginamos. Por não suportar mais guardar tantas coisas, nosso inconsciente extravasa em nosso corpo, na forma de sinais e sintomas que atrapalham nosso desenvolvimento humano.

Geralmente quando isso acontece pretendemos realizar mudanças e nos permitirmos entrar no “porão”, desbrava-lo e reencontrar certas coisas. Eu sei, trata-se de algo que não é fácil e que não terminamos da noite para o dia, pois as vezes sentimos medo de enfrentar a escuridão e os fantasmas que moram lá. Porém, é necessária esta “limpeza” de tempos em tempos.

Você já deve ter ouvido, por exemplo, alguém dizer que gostaria de fazer uma “faxina mental”?

Esta ai uma das coisas que o processo de psicoterapia psicanalítica nos possibilita realizar, lançando uma luz no porão da nossa mente para que possamos compreender certas coisas com mais clareza e decidir se queremos mantê-las ou transformá-las. Pense nisso!

Compartilhar
Audrey Leme
Psicóloga Clínica de abordagem psicanalítica; Atualmente atende em consultório particular e no Dispensário Madre Tereza de Calcutá na cidade de Limeira-SP; ministra palestras para a comunidade com temáticas voltadas ao desenvolvimento humano. Também possui formação em Administração de Empresas e experiência na área de RH (Recrutamento & Seleção e Treinamento e Desenvolvimento).



COMENTÁRIOS