Inteligência espiritual

O egoísmo dominador, disfarçado nos tempos atuais como metas ou objetivos homéricos a serem alcançados, predominando em a natureza humana, disfarça seus propósitos inferiores e surge, sempre, em expressão nova, por dominar mais e conquistar mais, perturbando o programa de elevação e iluminação de quem se propõe à felicidade em padrões muito mais elevados.

Vejamos alguns exemplos:

Propõe o mundo: – Vencer a qualquer preço, sem te preocupares com os outros, não é sua culpa eles quererem ficar para trás.
Estabelece a felicidade: – O Universo está todo integrado em uma única consciência cósmica, nunca existiu vários, mas um único em diversas partes, não se pode ser realmente feliz vendo a desgraça e a miséria triunfar a sua volta.

Programa o século: – Não cedas o teu lugar, haja o que houver. Disputa a tua posição, pois que outros estão batalhando por disputá-la ou roubá-la
Argumenta a felicidade: – Não te atormente pela posse indevida. Tudo quanto cederes, terás, e aquilo que tomares, perderás.

Promete a Terra: – Os vitoriosos riem e recebem todas as honras. Triunfa você também neste mundo, tendo a glória entre a meta que deves alcançar.
Aclara a felicidade: – Toda a glória na Terra nivelará no túmulo as criaturas umas com as outras. A glória que inebria passa, e o homem se encontrará vazio e só, logo após, atulhado de tudo e sem nada do essencial.

Reclama a sociedade: – Impõe a vontade, a fim de te fazeres respeitar, e acumula valores para comprar tudo e mais do que ambicionas.
Responde a felicidade: – Reúne valores no reino do seu coração, que é teu céu interior, e coleta os recursos da paciência, da humildade, do perdão, da caridade nos cofres eternos do amor, e serás milionário de paz e bem estar.

Impõe a tradição: – A espiritualidade poderá ser alcançada na velhice, portanto frui de todos os prazeres ainda hoje enquanto és jovem e cheio de energia.
Contrapõe a felicidade: Enlouquecerás, tua alma será roubada de ti ainda em vida, pois o excesso nunca indaga a idade que temos.

Aconselham as técnicas do bem-estar imediato: – Reage e não aceite qualquer agressão. Fique atento e armado na vida para te defenderes, tomando o outro sempre de surpresa.
Orienta a felicidade: – Age com elevação moral sempre e aprenda a equipar-se com os recursos do amor que a tudo vence e amortece todos os golpes que sejam desferidos contra ti.

Determina a ilusão: – Embriaga-te no prazer, que é tudo que vale e tudo que temos ao alcance de nossas mãos.
Repete a felicidade: – Vence o mundo, educando-te e crescendo para a realidade, da tua consciência superior.

O homem moderno vive em nível de consciência muito inferior. É fisiológico, automatista, primitivo.
O homem espiritual transita em faixa de consciência elevada, e se apercebe da realidade da vida. É psicológico, idealista, compreensivo, racional, porque alcançou a dimensão intelecto moral lúcida.

Em que faixa de consciência queres permanecer?

Compartilhar
Paulo Ratki
Analista e Coach Especialista em Inteligência Emocional Six Seconds Emotional Intelligence Assessment – SEI Presidente do LIDE RS Líderes Empresarias Grupo Dória



COMENTÁRIOS