Stress, tenha-o com moderação

Stress emocional em excesso pode produzir doenças físicas, tais como hipertensão arterial, úlceras ou mesmo doenças do coração. Reconhecer os primeiros sinais de tensão e então fazer algo a respeito pode significar uma importante diferença na sua qualidade de vida.

Reagindo ao stress: 

O stress nos acompanha quase todo tempo. O stress adiciona sabor, desafio e oportunidade à vida. Sem stress a vida seria monótona e sem atrativos. Entretanto, stress em demasia pode afetar gravemente o seu bem-estar físico e mental.

Um grande desafio neste estressante mundo atual é fazer o stress em sua vida trabalhar a seu favor e não contra você.

Para usar o stress de forma positiva e evitar que ele se torne angústia, você deve se tornar consciente de suas próprias reações aos eventos estressantes.

Ajudando a si próprio

Quando o stress de fato ocorre, é importante reconhecê-lo e saber lidar com ele. Quando começar a compreender como o stress o afeta você desenvolverá suas próprias ideias de como avaliar a tensão.

  1. Reconheça seus limites: se você estiver diante de um problema além de seu controle e que não pode ser modificado no momento, não lute contra ele. Aprenda a aceitá-lo –por enquanto– até chegar o momento em que possa resolvê-lo.
  2. Compartilhe seu stress: conversar com alguém sobre seus problemas e preocupações ajuda você a ver seu problema sob um ângulo diferente. Contudo, se você acha que seu problema é grave, é melhor procurar a ajuda profissional de um psicólogo. Saber quando procurar este tipo de ajuda pode evitar problemas mais graves no futuro.
  3. Procure praticar atividade física:  exercícios ajudam a reduzir a pressão. Correr, caminhar, praticar algum esporte, ou mesmo trabalhar no jardim são exemplos de atividades adequadas para isso.  O exercício físico alivia a sensação de “opressão” e ajuda a relaxar.
  4. Cuide-se:  repouse o suficiente e alimente-se bem. Se ficar tenso e irritável por dormir pouco, ou se não se alimentar corretamente, você terá menor capacidade de lidar com situações estressantes.
  5. Reserve tempo para distrair-se:  Programe tempo para o trabalho e para a recreação. O lazer pode ser tão importante para seu bem-estar como o trabalho. Você necessita de distrações na sua rotina para relaxar e evitar o stress.
  6. Organize suas atividades:  Tentar fazer tudo ao mesmo tempo pode ser estressante e, como resultado, você acaba não conseguindo fazer nada. Ao invés disto, organize uma lista de tarefas e dê prioridades às mais importantes.
  7. Controle seu criticismo: Geralmente por nossas necessidades e imperfeições esperamos muito dos outros e aí nos sentimos frustrados ou desapontados quando não correspondem às nossas expectativas.
Compartilhar
Angelica Neris
Olá, sou psicóloga e professora de língua espanhola. Trabalho como psicoterapeuta de casais, famílias, indivíduos e grupos, além da psicoterapia atuo em projetos de saúde laboral, psicologia do esporte e do exercício e orientação profissional.



COMENTÁRIOS