Você sabe como funciona a terapia de grupo?

Muitas pessoas perdem a oportunidade de aproveitar todos os benefícios que uma terapia de grupo pode proporcionar por não saber como funciona esse trabalho. Existem diferentes maneiras de uma pessoa participar de uma terapia de grupo, em encontros promovidos por organizações não governamentais, igrejas e instituições ou começando um processo terapêutico com um psicólogo.

Preparamos este artigo para esclarecer todas as suas dúvidas sobre a psicoterapia de grupo, como se desenvolve, para quem está indicada e o que esperar deste tipo de acompanhamento. Confira e compartilhe sua experiência nos comentários.

Como os grupos de terapia são definidos?

Primeiramente, o psicólogo realiza uma entrevista inicial individual para compreender as necessidades da pessoa. Com base no seu perfil, motivações e interesses, o profissional indicará o grupo mais adequado. Geralmente, os integrantes enfrentam problemas semelhantes e tem objetivos em comum, sendo capazes de compartilhar suas experiências e contribuir para o desenvolvimento pessoal dos demais.

O que acontece na terapia de grupo?

Neste formato de terapia, o psicólogo atua como mediador, realizando intervenções quando necessário. Os participantes expõem seus problemas, angústias, dúvidas e situações que estão enfrentando. Os outros integrantes podem opinar, comentar, sugerir tendo como base suas próprias experiências.

É fundamental que os indivíduos tenham em mente que o espaço terapêutico é um lugar seguro e que todas as questões abordadas são mantidas em sigilo. Para a eficiência do processo, é importante que haja respeito e que os participantes estejam dispostos não apenas a expor seus problemas, mas também a ouvir o que os demais tem a dizer.

O psicólogo também pode promover dinâmicas sobre alguma questão levantada pelo grupo. Por exemplo, simulando situações vividas por um integrante para saber o que os demais fariam de diferente. Ou ainda, o que uma pessoa gostaria de falar para a esposa, para o marido, filho ou chefe, mas não sabe como fazê-lo.

As sessões em grupo costumam ser semanais ou quinzenais, com uma hora de duração, podendo ainda ser intercaladas com a terapia individual.

E se eu não me identificar com o grupo?

Apesar de ter os mesmos objetivos e interesses que os demais, pode ser que o indivíduo não se identifique com o seu grupo. Neste caso, é importante expor ao psicólogo a situação, ele certamente estará disposto a indicar outro grupo até que você se sinta totalmente confortável com as sessões de psicoterapia.

Quais são os benefícios da terapia de grupo?

Com a terapia grupal é possível trabalhar diferentes aspectos, visando o bem-estar do indivíduo e a melhoria da sua qualidade de vida. Um dos benefícios que se pode ter com as sessões é a superação da timidez, por meio do desenvolvimento das habilidades sociais e da capacidade de saber falar e ouvir o próximo.

O indivíduo também pode encontrar o alívio em saber que não está sozinho e que outras pessoas compartilham os mesmos problemas e sofrem as mesmas angústias. Outra vantagem da terapia em grupo é a troca de informações que pode despertar novas ideias para o enfrentamento do problema trabalhado. Também podemos citar o autoconhecimento, o fortalecimento emocional e o sentimento de ajuda por auxiliar no crescimento pessoal de outro indivíduo.

Agora que você já sabe como funciona uma terapia de grupo, entre em contato com psicólogo especializado para iniciar um processo terapêutico.

Imagem de capa: Shutterstock/Michael Ebardt

TEXTO ORIGINAL DE MUNDO DOS PSICÓLOGOS

Compartilhar

RECOMENDAMOS


Psicologias do Brasil
Informações e dicas sobre Psicologia nos seus vários campos de atuação.

COMENTÁRIOS