Há alguns dias está circulando pelas redes sociais uma charge em tons de rosa, desenhos e apelo infantil- uma menininha feliz- mas que, ao contrário do objetivo lúdico que esse conteúdo costuma oferecer, traz um risco imenso para as crianças e suas famílias.

O desenho apresentado, que optamos por não divulgar para não disseminar a ilustração, apresenta o passo-a-passo do nó que é realizado em uma corda que é utilizada para enforcamento. A criança do desenho mostra todas as etapas e termina o último quadro saltando da cadeira.

É um conteúdo criminoso, perigoso, que associa conteúdo infantil ao mesmo tempo que incentiva uma ação que coloca risco à vida enquanto a criança realiza um ato que na ilustração parece divertida.

Divulguem essa informação, avisem seus amigos e estejam atentos aos conteúdos.

Ao contrário do que pode parecer, o meio eletrônico não é inofensivo. As crianças não devem ser deixadas sem supervisão na internet e nem assistindo vídeos no youtube como se os canais com crianças bonitinhas fossem as novas babás.

Situações como essa são sempre um excelente lembrete que previne catástrofes e pode salvar a vida do seu filho.

Nota da página: Nós tivemos o conhecimento que um site chamado Boatos fez uma análise branda da charge considerando-a apenas material adulto e fazendo um paralelo da propagação dela como um fenômeno similar ao que aconteceu com o Jogo da Baleia azul-ocorrido há meses. Nós, entretanto, embora concordemos que o material não deva ser repassado, não compactuamos com a opinião do site que acredita que esse material não está atingindo crianças, umas vez que ele viralizou, está nos mais diversos grupos e redes sociais. Logo, mantemos nossa opinião de que o material é prejudicial e de que os pais devem ser alertados, umas vez que a viralização já aconteceu.

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


Compartilhar

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS




Josie Conti
É idealizadora, administradora e responsável editorial do site CONTI outra e de suas redes sociais. Psicóloga com 19 anos de experiência, teve sua trajetória profissional passando por diversas áreas de atuação como educação, clínica (consultório, grupos pré-cirurgia bariátrica e de reeducação alimentar, acompanhamento de pacientes idosos e acamados em projeto da UNIMED), além de recursos humanos e saúde do trabalhador. Teve um programa diário, o CONTI oura, na rádio 94.7 FM de Socorro. Atualmente realiza vídeos, palestras, cursos, entrevistas, e escreve para diversos canais digitais. Sua empresa ainda faz a gestão de sites como A Soma de Todos os Afetos e Psicologias do Brasil. Possui mais de 11 milhões de usuários fidelizados entre seguidores diretos e seguidores dos sites clientes. Também realiza atendimentos psicológicos online.