A tristeza e a dor de perder um ente querido se refletem nos funerais. O choro geralmente abunda, entre lembranças e saudades. É difícil dizer o “último adeus” com alegria, embora não seja impossível…

Nesse funeral, música, dança e rebuliço abundaram. Uma multidão se despediu de um renomado empresário da cidade de Manta, no Equador, segundo a mídia local. Mas o falecido não atraiu muitos olhares, pois o centro das atenções foi a vipuva dele, que deu seu último adeus “dançando” sobre o caixão. Ela fez um show inesquecível!

Aqui está o vídeo que gerou polêmica nas redes sociais:

Muitas pessoas não gostaram de sua atitude, pois segundo os críticos, os funerais devem ser rituais silenciosos, cheio de tristeza.

Por mais que o falecido tenha pedido “para partir com alegria”, muitos consideram que a atitude da viúva “passou um pouquinho dos limites”. Por outro lado, há quem enxergue nas críticas o machismo e o precomnceito da nossa sociedade atual.

O nome da música que toca no funeral é “Ella Wants More”, de uma renomada cantora de reggaeton.

Todos nós temos maneiras diferentes de superar um luto. Quem somos nós para julgar os processos de cura alheios, não é mesmo?

***
Destaques Psicologias do Brasil, com informações de UPSOCL.
Fotos: Reprodução/Instagram @noticias_sincontrol .

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


Compartilhar

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS




DESTAQUES PSICOLOGIAS DO BRASIL
Uma seleção das notícias relacionadas ao universo da Psicologia e Comportamento Humano.