Ao contrário das apostas esportivas (que podem ser encontradas nas melhores casas de apostas) onde o jogador pode aumentar, bastante, suas chances de vitória estudando e juntando informações sobre a aposta que ele quer fazer, nas apostas lotéricas ele depende unicamente da sorte para vencer. Mas então porque tanta gente continua a apostar na loto mesmo sabendo que não se pode fazer nada para aumentar suas chances de vitória além de torcer para ser sorteado? É isso que tentaremos desvendar nos próximos parágrafos.

Um dos principais motivos que levam as pessoas a apostar na loteria é o pensamento de que o custo benefício vale a pena. Ou seja, o custo é baixo em relação aos, supostos, benefícios. Peguemos a Mega Sena como exemplo. O jogador precisa fazer apenas uma aposta simples de R$4,50 para ter a chance de ganhar dezenas, as vezes até, centenas de milhões de reais. Assim, na mente da maioria das pessoas o investimento é baixo em relação aos possíveis ganhos. R$4,50 é um valor que, dificilmente, fará falta para uma pessoa. Enquanto que, dezenas de milhões de reais, com toda certeza, mudariam para sempre a vida de qualquer um. Dessa forma, apesar de saberem que têm chances ínfimas de vitória, a maioria das pessoas acaba por concluir que o risco vale a pena. Se a vitória não vier, a perda financeira é mínina. Já se ela vier o ganho é enorme. Além disso, o baixo investimento faz com que a aposta seja mais fácil de ser justicada na mente do jogador. Afinal de contas, são uns poucos reais.

Outro responsável por fazer com que as pessoas continuem a apostar em loterias é o, chamado, “efeito bandwagon” ou “efeito adesão”. Esse viés cognitivo faz com que uma pessoa tome uma decisão ou faça algo apenas para “acompanhar” o que as outras pessoas em seu grupo social estão fazendo. Esse efeito ajuda muito a explicar porque muitas pessoas apostam em loterias quando as mesmas estão acumuladas e, com isso, atraindo muito atenção social e midiática. Vamos tomar como exemplo a “Mega da Virada”. Loteria que é sorteada apenas uma vez por ano, no dia 31 de dezembro, e que paga o maior prêmio do ano. Nesse ano, por exemplo, extimasse que o prêmio será de cerca de R$300 milhões. A “Mega da Virada” devido ao tamanho de seu prêmio e ao fato de não acumular (se ninguém acertar os seis números, o prêmio é dividido entre aqueles que acertarem cinco números) sempre causa burburinho social e atrai a atenção da mídia com diversas reportagens, sobre o prêmio, sendo vinculadas na televisão, internet e jornais impressos. Isso causa a impressão de que todo mundo vai apostar nessa loteria e que, assim sendo, você não pode ficar de fora. Isso faz com que muita gente que não costuma apostar em loterias (ou mesmo gente que nem sequer nunca apostou) resolva apostar na “Mega da Virada” apenas para “não ficar de fora” da “onda”.

Outro efeito psicológico que leva muita gente a apostar em loteria é a, chamada, “falácia do apostador”. Esse efeito faz com que as pessoas acreditem que algum desvio na cadeia de acontecimentos esperados de um determinada sequência de eventos de algum processo aleatório implicará, necessariamente, em um maior chance de ocorrer, em seguida, algum desvio na direção oposta. Por exemplo, digamos que em um jogo de roleta nas últimas cinco rodadas a bola parou, sempre, em números pretos. Isso pode levar muitos jogadores a pensar que, na próxima rodada, a bola irá parar em um número vermelho. Isso porque, normalmente, a bola não deveria parar sempre na mesma cor. Assim, um jogador pode pensar que se parou tantas vezes no preto, uma hora vai ter que parar no vermelho. Contudo, na verdade, as chances de a bola parar no vermelho na próxima rodada são as mesmas de qualquer outra rodada. Na loteria, esse tipo de efeito se aplica quando o prêmio começa a acumular. Isso leva as pessoas a presumir que “uma hora o prêmio tem que sair”. Realmente, uma hora aquela loteria terá um vencedor, contudo, as chances de que o prêmio saia no próximo sorteio são as mesmas de que ele saia em qualquer outro sorteio.

Nesse texto discutimos alguns dos muitos mecanismos que levam as pessoas a apostar em jogos de loteria. Esse é um assunto fascinante e, também, bastante estudado pelos cientistas no mundo todo. Esperamos que você tenham gostado do texto.

***
Photo by Josh Appel on Unsplash

Compartilhar

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS




Psicologias do Brasil
Informações e dicas sobre Psicologia nos seus vários campos de atuação.