Todo mundo sabe que o cassino é um lugar onde as pessoas realizam suas apostas para se divertirem e terem a possibilidade de lucrar de alguma forma, seja contando com a sorte em máquinas de caça níquel, ou com as habilidades na jogatina em um jogo de cartas como o pôquer, por exemplo.

Hoje em dia há, além dos cassinos físicos, os online, que permitem simular a experiência de um local real dentro da sua casa. Devido a popularidade desse tipo de entretenimento, decidimos hoje selecionar algumas curiosidades que você (provavelmente) não sabia sobre cassinos.

Tudo para você ficar o maior tempo possível jogando

Os empresários pensam em todos os aspectos para manter os jogadores o maior tempo o possível dentro das casas de jogos. Por essa razão, os cassinos geralmente são grandes e pensados em formas de labirinto para evitar que você encontre a saída, além de que os próprios banheiros ficam em locais afastados das portas por essa mesma razão.

Além disso, não há janelas e nem relógios, sendo um ambiente totalmente fechado para que os jogadores percam a noção do tempo, não sabendo se está de noite ou de dia. Muitos jogadores, para não perderem seus compromissos, levam seus celulares e botam um despertador para indicar a hora de ir embora.

De quebra, a maioria dos cassinos oferecem bebidas gratuitamente, em especial para jogadores mais assíduos, mas é um costume nos Estados Unidos as pessoas darem uma gorjeta, mesmo que simbólica, para os garçons.

Máquinas de Caça Níqueis não davam dinheiro

Você já se perguntou o porquê as máquinas de caça níquel geralmente tem símbolos de frutas? Isso porque, em seus primórdios, as máquinas eram destinadas as crianças e ofereciam chicletes dos sabores indicados pelas imagens. Ou seja, caso você tivesse três melancias seguidas, você recebia um chiclete sabor melancia, e assim sucessivamente.

Com o tempo, as máquinas de caça níquel foram pouco a pouco sendo incorporadas aos cassino, e os chicletes passaram a ser dinheiro. Essa é a explicação do porquê, até hoje, a maioria das slots machines possuem símbolos frutíferos.

Menor cassino do mundo

O menor cassino existente no planeta Terra está localizado em Londres, na Inglaterra, mas não de forma fixa, já que fica na traseira de um táxi que está sempre se locomovendo. Chamado de “Grosvenor Casino”, ele conta com um carteador, televisor, frigobar e mesa de jogos básica para você realizar suas apostas. Uma bela ideia de uma mente brilhante, não acha? O dono dele deve ganhar quanto?

Jogadores profissionais preferem mesas cheias de gente

Parece contraditório, mas os jogadores profissionais de cassino preferem realizar suas apostas em uma mesa cheia de pessoas.

A principal razão é que, quanto mais pessoas, mais tempo demora para cada um realizar suas jogadas, o que acaba dando um espaço de tempo maior para que os jogadores pensem em melhores estratégias. Além disso, as cortesias de cassino (como os drinks citados anteriormente), são entregues com mais frequência quando a casa está cheia.

Mais sobre a história dos cassinos:

O primeiro cassino online

A primeira edição virtual de um cassino surgiu no ano de 1996 graças a uma empresa que fabrica os jogos até hoje: a Microgaming. Nesse ano, ela desenvolveu uma tecnologia que conseguia criptografar os dados de modo bastante seguro, surgindo assim o Intercasino, que existe até hoje e é considerado um dos maiores cassinos online do mundo inteiro.

Origem da palavra cassino

Muito se discute sobre a origem da palavra. A teoria mais aceita é que ele é o diminutivo do italiano para designar “casa no país”. Na antiguidade, as casas de jogos eram destinados aos nobres que procuravam relaxar.

No entanto, há uma outra teoria de que a palavra vem do latim “casa” que não tem o significado que conhecemos, mas sim choupana ou cabana, locais onde pessoas pobres viviam. A palavra “cassino”, em latim, significa “casa de campo”, e era um local afastado da cidade onde as pessoas iam para se divertir.

Sanduíches foram inventados nos cassinos

Uma das curiosidades mais interessantes sobre cassinos é que o sanduíche, tão tradicional em nossa alimentação hoje em dia, surgiu graças ao conde de Sandwitch, John Montagu. Antes dele já haviam pessoas que colocavam recheios dentro dos pães, mas a fama – e o nome- vieram no ano de 1762.

Na época ele gostava de jogar partidas de uíste, um jogo de cartas muito popular na Inglaterra e o conde, para não interromper as partidas, pedia aos seus empregados para colocar salames dentro de dois pães.

Curiosidades legais, né? Mas, lembre-se: Qualquer tipo de vício pode trazer danos ao seu estilo de vida e saúde mental. Então, divirta-se, mas sempre com consciência.

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


*O conteúdo do texto acima é de responsabilidade do autor e não necessariamente retrata a opinião da página e seus editores.


Compartilhar

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




REDAÇÃO PSICOLOGIAS DO BRASIL
Os assuntos mais importantes da área- e que estão em destaque no mundo- são a base do conteúdo desenvolvido especialmente para nossos leitores.