Quando praticado com responsabilidade, o ato de jogar transforma-se em um hobby totalmente saudável e que pode nos proporcionar bons momentos de lazer. Milhões de pessoas em todo o mundo jogam jogos de cassino de uma forma responsável e cotidiana, e neste artigo vamos comentar a respeito de pontos que são importantes quando se trata de jogar de forma responsável.

Photo by John Schnobrich on Unsplash

A importância do autoconhecimento

Ter clareza sobre nossos pontos fortes e fracos nos ajuda a ter uma visão mais objetiva dos limites que impomos a nós mesmos. O autoconhecimento é a capacidade de identificar as ações que devemos tomar para nos sentir confortáveis com nós mesmos enquanto interagimos com aspectos externos da vida cotidiana.

Ao nível do entretenimento, funciona da mesma forma, pois, sabendo como respondemos a estímulos externos, como jogar em um cassino online, podemos identificar facilmente quais são as emoções que indicam se estamos a jogar de forma responsável ou não.

Estabelecer limites com base na análise de nossas emoções

Para se tornar um jogador responsável, é necessário ter claro o conceito de que o jogo é um meio de entretenimento e que, por isso, devemos compreender e controlar as nossas emoções.

Algumas recomendações básicas se aplicam a todos, como jogar apenas o que podemos perder, estabelecer limites de tempo para essas atividades e não jogar quando estivermos nos sentindo tristes ou chateados. A partir desses pontos, cada pessoa pode estabelecer quais são suas próprias guias, transformando cada jogada em um momento de pura diversão.

Práticas responsáveis dos cassinos

Para além do que está ao nosso alcance e das emoções que nos permitem ter momentos de lazer saudáveis, os melhores cassinos online levam muito a sério a sua responsabilidade para com os jogadores, oferecendo não apenas incentivos como bônus e promoções a seus usuários, mas também plataformas bastante seguras e práticas que propiciam que uma relação de confiança seja gerada.

Esses sites também fornecem aos usuários informações sobre como jogar com responsabilidade, disponibilizando relógios claramente visíveis em suas plataformas para que o jogador cheque há quanto tempo está jogando. Além disso, estabelecem limites de depósito para ajudar os jogadores a ficar dentro dos valores que eles definiram para apostar.

Entender quando o jogo não é mais divertido

Às vezes, as emoções geradas por jogos de azar e apostas podem ser muito grandes, nos empurrando, assim, para além de nossos próprios limites. Devido a isso, é importante sermos honestos com nós mesmos em todos os momentos para perceber quando o ato de jogar está ultrapassando a barreira da diversão. Ações como pedir dinheiro emprestado para jogar ou negligenciar as responsabilidades familiares e profissionais são sinais claros de que é hora de fazer uma pausa.

Além disso, ficar constantemente irritado por não ganhar em cada rodada pode indicar algo mais sério, transformando-se inclusive em depressão se não estiver claro que, quando se trata de jogos de azar, o objetivo deve ser o entretenimento. É normal sentir alegria ao vencer e frustração ao perder, mas é preciso entender que os jogos de azar são justamente jogos e que sua função primordial é o divertimento.

Photo by Michał Parzuchowski on Unsplash

O jogo é um meio de entretenimento muito popular em todo o mundo que pode nos oferecer experiências divertidas e a oportunidade de tentar a sorte. Conhecendo nossos limites e estando atentos a eles, a diversão é sem dúvidas garantida.

***

Imagem de capa: Photo by John Schnobrich on Unsplash

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


Compartilhar

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS




Psicologias do Brasil
Informações e dicas sobre Psicologia nos seus vários campos de atuação.