De acordo com jornal britânico Daily Mail e do site Vix, o Centro de Combate ao Câncer Memorial Sloan Kettering, nos Estados Unidos está a cerca de dois anos da finalização de um exame de sangue chamado “Biópsia líquida”. O exame consiste em uma criteriosa análise de DNA que será capaz de identificar tumores até 10 anos antes de suas manifestações.

Resultados animadores indicam cerca de 90% de confiança nos resultados dos testes em  grupos mais comuns da doença e, em tumores de identificação mais complexa, cerca de 55% de eficácia nos resultados, podendo, num futuro próximo, ser incluídos nos exames de rotinas da população.

A Grail, empresa diretamente relacionado ao projeto, tem como objetivo realizar os primeiros testes de mercado já em 2019.

***

Imagem de capa: Photographee.eu/shutterstock

RECOMENDAMOS






Informações e dicas sobre Psicologia nos seus vários campos de atuação.