Flávio Gikovate nasceu em 1943 e publicou 34 livros. Psiquiatra, dedicou-se à psicoterapia e tornou-se um dos mais conceituados e reconhecidos psicoterapeutas brasileiros. Faleceu, aos 73 anos, em outubro de 2016.

Neste vídeo, ele fala sobre a porta que se abre para a felicidade das mulheres que ficam sozinhas. Ao contrário das mulheres, os homens parecem ficar “sem lugar”, numa casa em que a mulher não está. “Chega em casa e fica igual barata tonta, afirma Gikovate”.

Confira o vídeo e deixe aqui o seu comentário.

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


*O conteúdo do texto acima é de responsabilidade do autor e não necessariamente retrata a opinião da página e seus editores.


Compartilhar

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




Psicologias do Brasil
Informações e dicas sobre Psicologia nos seus vários campos de atuação.