Trabalhar até à exaustão emocional e física é um problema que muitos profissionais do mundo inteiro afrontam no século XXI. Em um mundo laboral tão competitivo e intenso, estar atento ao burnout é fundamental para não ultrapassar os limites da mente em assuntos relacionados com o trabalho.

Sintomas como excessiva exaustão, stress e esgotamento físico devido a um trabalho desgastante são alguns dos sinais de burnout que podem desenvolver-se com o tempo. Em especial, profissões como médicos, professores, polícias, jornalistas e profissionais que trabalham no setor financeiro geralmente estão mais propensas a este problema.

O conceito de burnout surgiu há 45 anos, quando o nova-iorquino Herbert J. Freudenberger deu este nome ao estado de esgotamento físico e mental. Portanto, é uma síndrome que foi identificada há relativamente pouco tempo, mas que a medicina já conhece bem, principalmente pela atenção que lhe tem sido dada atenção que lhe tem sido dada nos últimos 10 anos.

E como evitar que o burnout se introduza na tua vida pessoal e profissional, dando origem a problemas que podem ser duradouros? Neste artigo deixamos algumas dicas essenciais para prevenir esta síndrome da sociedade contemporânea.

A organização é uma palavra muito importante quando o assunto é prevenir o burnout. Ou seja, é recomendável ter uma lista de coisas a fazer ao longo da semana, e nunca extrapolar essa lista, salvo em raras exceções. Na linguagem profissional, isso significa poder dizer “não”, por mais que isso possa parecer algo impossível nas empresas.


Aproveitar os fins de semana, os feriados e os tempos de férias também é fundamental para relaxar a mente e o corpo. Isto está intrinsecamente relacionado com o fato de que muitas vezes é preciso desligar o telemóvel para desconectar totalmente do trabalho e para que não surjam novas tarefas mesmo durante o período de descanso. Essa dica é ainda mais importante para quem trabalha por conta própria, pois são profissionais que geralmente trabalham inclusivamente nessas datas especiais.

Atividades que eliminam o stress e consequentemente geram prazer estão entre as mais indicadas para descansar a mente. E nem sequer é necessário ir à praia ou sair de casa. Jogar videojogos, reunir os amigos para uma noite de póquer ou organizar pequenas festas podem ser excelentes formas de relaxar. Um dos jogos de casino mais divertidos e tradicionais é o blackjack. O blackjack, disponível em diversas variantes, pode ser jogado contra pessoas do mundo inteiro na sua modalidade online. Para descobrir outros tipos de jogos e possibilidades de entretenimento, entra na Google Play ou na App Store com regularidade e mantém-te atualizado sobre as novidades.

Além de saber aproveitar os benefícios da tecnologia para desconectar da vida profissional, começar o dia de trabalho com um ritual de relaxamento também é sempre proveitoso e traz benefícios profundos para a saúde mental. Cerca de 15 minutos por dia dedicados a meditar já podem fazer uma grande diferença no teu dia a dia. E ainda é possível ser mais simples, pois atividades básicas como escrever no diário ou ler artigos e livros sobre o teu tema favorito podem ser ótimas alternativas para dizer adeus ao stress.

Praticar exercício regularmente e evitar levar uma vida sedentária também são excelentes vias de escape para contornar os problemas resultantes do mundo laboral. Além disso, é importante comer bem, com uma dieta rica e equilibrada, e adquirir outros hábitos saudáveis que ajudam a melhorar a sua saúde mental.

É verdade que o burnout tem cura e, como mencionávamos anteriormente, há várias formas de evitar chegar a esse estado. Você deve estar atento aos sintomas e não achar que sentir muito cansaço é normal, devido à vida frenética que geralmente levamos. O segredo está na prevenção.

Compartilhar

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS




Psicologias do Brasil
Informações e dicas sobre Psicologia nos seus vários campos de atuação.