Karina Vieira orienta suas pesquisas na questão da formação da identidade da mulher negra na zona oeste do Rio de Janeiro e, por conseguinte, da comunidade negra. Segundo ela, a população negra precisa de espelhos positivos, e apresenta exemplos de mulheres e situações que estão contribuindo para a formação positiva desta identidade. Karina mostra que: “Individualmente, não possuímos dinheiro ou riquezas, mas, coletivamente, ninguém nos para”.

Karina Vieira é graduada em Comunicação Social e pós-graduanda em Gestão de Políticas Sociais pela Universidade Castelo Branco, Consultora de Comunicação do Baobá – Fundo pela Equidade Racial, Diretora de Comunicação da AUR, e pesquisadora de dois grupos de extensão da UCB, orientando suas pesquisas na questão da formação da identidade da mulher negra na zona oeste do Rio de janeiro e, por conseguinte, da comunidade negra.

 

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


*O conteúdo do texto acima é de responsabilidade do autor e não necessariamente retrata a opinião da página e seus editores.


Compartilhar

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




REDAÇÃO PSICOLOGIAS DO BRASIL
Os assuntos mais importantes da área- e que estão em destaque no mundo- são a base do conteúdo desenvolvido especialmente para nossos leitores.