Segundo informações do Brasil Urgente, uma psicóloga de 37 anos foi encontrada sem vida dentro do porta-malas do próprio carro na garagem da casa onde morava, em Pouso Alegre (MG).

De acordo com a reportagem da Band, o marido da vítima, que é médico veterinário, chegou do trabalho em uma fazenda em uma cidade vizinha e estava sem notícias da esposa, que havia enviado uma mensagem horas mais cedo avisando que sairia para andar de bicicleta.

Como a mulher não chegava, o veterinário notificou a polícia que saiu pela cidade à procura da companheira. Ao retornar para casa, resolveu abriu o veículo de Marilda; então, foi surpreendido pelo corpo dela.

A vítima estava com as mãos e os pés amarrados, estava vestindo uma roupa de ciclismo e um capacete de proteção. No corpo, não havia sinais de violência e nada foi roubado da psicóloga.

O marido, de 62 anos, acionou a Polícia Militar, que isolou a área. A Polícia Científica fez perícia no carro e na casa da vítima, e nenhum sinal de arrombamento foi encontrado.

Segudno o médico legista, pelas características do corpo, Marilda teria falecido há pelo menos 12 horas. Investigadores estão à procura de imagens de câmeras de segurança que possam ter registrado os últimos passos da psicóloga e se alguém suspeito esteve na residência antes do crime.

“Vários passos para investigação já foram realizados, várias etapas, como coleta de material genético. Foram ouvidas diversas pessoas, todas as pessoas que eram próximas da vítima já prestaram depoimento”, informou o delegado Renato Gavião, da Polícia Civil de Minas Gerais.

“Por enquanto, a polícia não trabalha com nenhuma hipótese concreta, seja ela de homicídio, seja ela de suicídio, pois o fato está sendo investigado”, acrescentou.

A psicóloga foi enterrada em Bauru (SP), cidade onde nasceu.

***
Destaques Psicologias do Brasil, com informações de Band.
Fotos: Reprodução.

RECOMENDAMOS






Uma seleção das notícias relacionadas ao universo da Psicologia e Comportamento Humano.