Uma cena comum nos ambientes públicos que frequentamos é o uso de tablets ou telefones celulares para manter as crianças distraídas. Como tudo o que surte efeito rápido e leva ao objetivo almejado, no caso, ter sossego e não ser incomodado, esses aparelhos atendem as expectativas. Entretanto, o uso precoce e excessivo de aparelhos eletrônicos pode ser muito prejudicial aos pequenos.

Que tal, então, relembrarmos de outros objetos que fazem bem às crianças e comprovadamente trazem benefícios ao seu desenvolvimento?

A revista Psychological Science publicou um estudo da Universidade de Toronto, onde os resultados das pesquisas relacionaram o desenvolvimento cognitivo com a aprendizagem da música.. Segundo publicado, pelo período de um ano, três grupos de crianças de seis anos estudaram canto, piano e expressão dramática. Resultado: As crianças que aprenderam música revelaram padrões de inteligência maiores no fim do estudo.

Mas é claro que devemos ter bom senso e acompanhar o nosso tempo, né. A tecnologia está por aí e veio para ficar, mas que priorizar as coisas certas nunca fez mal para ninguém, isso nunca fez 😉

Editorial CONTI outra.

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


*O conteúdo do texto acima é de responsabilidade do autor e não necessariamente retrata a opinião da página e seus editores.


Compartilhar

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




REDAÇÃO PSICOLOGIAS DO BRASIL
Os assuntos mais importantes da área- e que estão em destaque no mundo- são a base do conteúdo desenvolvido especialmente para nossos leitores.