O jovem Cameron Cook, de 17 anos, estava em uma loja de varejo com a sua mãe quando viu uma menininha sozinha com um homem estranho parado perto demais dela.

A mãe de Cameron, Heather, estava preocupada com as compras e, a princípio, tentou puxar Cameron, mas por insistência do adolescente, ela parou para avaliar a situação … algo definitivamente estava errado com a situação.

“Eu vi o cara se muito próximo da menininha e minha mãe disse: ‘Cam, vamos continuar andando’, eu disse, ‘não, algo está acontecendo.’ ”

E Heather admitiu: “Eu estava perto o suficiente para sentir o cheiro da bebida que saía da boca dele. Foi horrível.”

Cameron se aproximou destemidamente do homenzarrão e começou a perguntar em voz alta o que ele estava fazendo.

“Então eu fui até ele, e disse ‘Com licença, você conhece ela?’ E então a primeira coisa que ele disse foi: ‘Não sou pervertido, não sou pervertido’. E eu disse, não te perguntei isso senhor – disse Cameron.

Hyperactivz

Cameron continuou repreendendo o homem até que ele saiu correndo da loja. É provável que o adolescente tenha salvado a menina de um destino impensável. “Ele era bem grande e mesmo assim Cameron não ficou com medo”, disse sua mãe. “Ele apenas ficou firme na certeza de que sabia que o que aquele homem estava fazendo era errado.”

“Fiquei feliz por estar lá para protegê-la”, disse Cameron. “Porque você nunca sabe o que poderia ter acontecido.”

Mas ele não quer elogios por suas ações, apenas quer inspirar outras pessoas a intervir quando sentirem que algo não está certo.

Ele disse ao Boston Herald : “Qualquer um deveria ter coragem de se levantar. Não se trata apenas de coragem, é apenas ser uma pessoa, um ser humano – qualquer um pode ir em frente e fazer algo assim.”

***
Destaques Psicologias do Brasil, com informações de Inspire More.
Foto destacada: Reprodução/Youtube.

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


Compartilhar

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS




DESTAQUES PSICOLOGIAS DO BRASIL
Uma seleção das notícias relacionadas ao universo da Psicologia e Comportamento Humano.