A atriz Carla Diaz foi escalada para interpretar Suzane von Richthofen no filme “A menina que matou os pais”. A informação foi confirmada pelo diretor da produção, Mauricio Eça. Outros nomes do elenco do filme ainda não foram divulgados. Outros nomes do elenco do filme ainda não foram divulgados.

De acordo com o diretor Maurício Eça, “A menina que matou os pais” se concentrará no contexto dos assassinatos de Manfred e Marísia von Richthofen, pais de Suzane, em outubro de 2002.

“A história todo o mundo conhece. O que as pessoas não conhecem é o que precedeu a história”, disse em entrevista ao G1 o diretor do longa.

Ele define a produção como um “thriller psicológico de suspense” e promete “detalhes e discussões nunca antes debatidos sobre o caso”.

Quem ficará responsável pelo roteiro do longa é a criminóloga Ilana Casoy, autora dos livros “O quinto mandamento” (Arx, 2006), que reconstitui o assassinato, e “Casos de família” (Darkside, 2016), sobre a morte dos Richthofen e de Isabella Nardoni. O escritor de literatura policial Raphael Montes também assina o roteiro.

O filme tem previsão de estrear em 2020.

***

Destaques Psicologias do Brasil. Com informações de: G1

Imagem destacada: Reprodução/Instagram e Luara Leimig/TV Vanguarda

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


*O conteúdo do texto acima é de responsabilidade do autor e não necessariamente retrata a opinião da página e seus editores.


Compartilhar

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




DESTAQUES PSICOLOGIAS DO BRASIL
Uma seleção das notícias relacionadas ao universo da Psicologia e Comportamento Humano.