Formar uma família nem sempre significa um homem e uma mulher conceber um filho, porque hoje sabemos há centenas de configurações familiares possíveis: com dois pais ou duas mães, pais ou mães solo, avós que se tornam pais adotivos. Agora, este rapaz mostrou que mesmo que sua namorada estivesse grávida de outro homem, ele cuidaria daquele bebê como se fosse seu.

Seu nome é Edgar Costa, um jovem de 27 anos que, por meio de suas redes sociais, disse a seus seguidores que ele e sua namorada, Carol, estavam esperando um bebê. Porém, a surpresa para todos foi que ele não era o pai biológico, situação que gerou aplausos e também muitas críticas.

A história de amor começou quando Carol, já cansada de relacionamentos que não davam certo, orou para que surgisse em seu caminho a alguém que soubesse tratá-la com dignidade. Mas foi então que ela engravidou inesperadamente e sua relação com o pai do bebê não avançou.

Assim, inesperadamente, Carol e Edgar se conheceram por meio do aplicativo Uber e uma semana depois decidiram ter o primeiro encontro. No entanto, uma semana depois de conhecer Carol, ele descobriu em seu Instagram que ela estava grávida.

Eles acabaram dando uma chance de se conhecerem melhor marcando um novo encontro. Edgar então percebeu que ela tinha muitos objetivos e falava sobre as coisas com paixão, e acreditava que seriam bons amigos.

Com o tempo, ele sentiu algo mais forte despertar e embora tivesse medo de se envolver com uma mulher grávida de outra pessoa, esse sentimento superou qualquer problema e eles decidiram viver seu amor livremente.

Mas nem tudo foi bem recebido, pois embora o amor entre os dois fluísse naturalmente, muitas pessoas próximas a Edgar recomendaram que ele não se envolvesse e insistiram que ele não era o pai biológico do bebê e que isso era um problema.

O relacionamento progrediu rapidamente e dentro de dois meses de namoro, Carol sugeriu a Edgar que se casassem e ele não hesitou em aceitar a propost , já que os dois estavam destinados a ficar juntos e esperar por seu filho.

Enquanto esperavam a data do casamento, nasceu a filha de Carol, Lara, e Edgar acompanhou o nascimento junto da namorada, já que ela queria assim. Ela o escolheu para acompanhá-la naquele momento especial e desde então os três formam uma linda família.

Como resultado do momento emocionante, Edgar fez uma publicação em suas redes sociais e, embora recebesse muito apoio e carinho, também enfrentou inúmeros comentários negativos, a maioria deles de homens.

Embora não entendessem o real motivo do ódio que receberam, Edgar e Carol resolveram deletar a publicação e mesmo assim, muitos continuaram a comentar sobre o assunto, pois parecia muito estranho que um homem quisesse se comprometer tanto com uma filha que não é sua.

O rapaz sabe que sua história está apenas começando, mas espera que seja um testemunho que sirva de exemplo para todos.

***
Destaques Psicologias do Brasil, com informações de UPSOCL.
Fotos: Facebook/Edgar Costa.

Compartilhar

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS




DESTAQUES PSICOLOGIAS DO BRASIL
Uma seleção das notícias relacionadas ao universo da Psicologia e Comportamento Humano.