Em muitas ocasiões, mães e pais têm tantas atividades em seus empregos que não conseguem cuidar dos filhos o tempo todo e por isso as babás são cada vez mais comuns nas famílias, e muitas vezes se tornam uma parte essencial na criação dos filhos. Essas crianças costumam levar esse vínculo com suas babás por toda a vida.

Um bom exemplo disso é o caso de Dell Zhafry Fuad, um homem de Berjuntai Tin Dredging, na Malásia, que em 1988 compartilhou sua infância com sua babá Kak Mala. Após 30 anos sem tê-la visto, ele se reencontrou com ela e os dois tiveram um momento maravilhoso lembrando de tudo o que viveram juntos.

Dell Zhafry compartilhou uma fotografia do reencontro em sua conta no Facebook. Ele explicou que quando Kak Mala cuidou dele e de seus irmãos, ela também era muito jovem, mas devido às dificuldades financeiras que tinha com sua família, ela começou a trabalhar como uma babá para poder sustentar seus irmãos.

Além disso, o jovem compartilhou uma fotografia de quando ele e seus irmãos eram pequenos. Na imagem, eles posam alegremente ao lado de Kak Mala. “Mala tinha apenas 14 anos quando cuidou de nós em 1988. Ela cuidou de nós e nos criou como seus próprios filhos”, escreveu ele em seu post.

“A foto abaixo foi tirada após 30 anos de nossa separação. Mala lembra bastante de mim e de meus irmãos mais novos. Ele chorou de alegria porque sentiu muitas saudades de mim e de minha família. Obrigado Mala por cuidar de nós”, acrescentou na publicação.

Em uma entrevista para o World of Buzz, Dell Zhafry comentou que Kak Mala é originalmente da Índia e embora ela estivesse estudando, ela teve que abandonar a escola para cuidar de seus irmãos e depois começou a trabalhar com sua família. Além disso, o jovem relatou que durante todo o tempo em que esteve com eles, foi a melhor babá e a pessoa mais carinhosa com eles.

Apesar de não se verem novamente e perderem o contato por três décadas, Dell Zhafry e Kak Mala tiveram um belo reencontro em novembro de 2020. “Ela pegou minhas mãos, me abraçou e beijou minha bochecha. Ela estava chorando e disse, “Obrigado, Senhor, meu filho está de volta!”, disse Zhafry.

***
Destaques Psicologias do Brasil, com informações de Nation.
Fotos: Reprodução.

RECOMENDAMOS






Uma seleção das notícias relacionadas ao universo da Psicologia e Comportamento Humano.