Para muitas pessoas, ter filhos e constituir uma família é um grande sonho, no entanto, também existem milhões de pessoas que não têm a estabilidade necessária para isso, ou então não estão aptas a cumprir as responsabilidades que um filho impluca, e como resultado milhões das crianças acabam em sistemas de adoção.

É justamente esse o caso de um menino de 6 anos chamado Aidan. Ele teve que ser separado de seus pais biológicos, pois estes não podiam garantir seu bem-estar e não tinham como cuidar ou zelar por seus direitos e sua vida. Assim, ele acabou nas mãos dos serviços sociais junto com seus irmãos, que conseguiram ser adotados, embora todos por famílias diferentes.

Desde que entrou no sistema de adoção dos Estados Unidos, seu maior desejo é ter uma família que lhe dê carinho e amor. Ele inclusive enviou uma mensagem muito comovente para as pessoas em toda a sua comunidade e seu caso foi amplamente divulgado nos Estados Unidos, na esperança de que alguém o adote.

Aidan, que mora no Texas, Estados Unidos, disse que gostaria de fazer parte de uma família e, inocentemente, acrescentou “Arrumo meu quarto e lavo a louça”, disse com um sorriso no rosto, apesar de todas as adversidades que enfrenta em tenra idade.

O menino de 6 anos tem boa saúde, é bastante educado e não apresenta nenhum comportamento que cause problemas. No entanto, até agora nenhuma família se interessou por ele e Aidan acha que é por causa de sua idade. Acontece que a maioria das famílias que adotam acha que é muito difícil educar uma criança de mais de 5 anos e fazer com que ele se adapte a um novo estilo de vida.

Uma iniciativa local se encarregou de divulgar esta declaração de Aindan para oferecer ao pequeno uma oportunidade de ser adotado. Espera-se que em breve ele realize seu sonho de ter uma família.

***
Destaques Psicologias do Brasil, com informações de Nation.
Fotos: Reprodução.

RECOMENDAMOS






Uma seleção das notícias relacionadas ao universo da Psicologia e Comportamento Humano.