A pandemia causada pelo surto de coronavírus na China e sua rápida disseminação em todo o mundo causaram estragos mesmo no último canto do planeta. Todos os países foram afetados, mas os mais atingidos até agora são a China, o berço do vírus e a Itália.

A China teve tempo de se adaptar à doença e apoio financeiro para construir hospitais em poucos dias e isolar todos os afetados em tempo suficiente. Hoje, o país asiático consegue dizer com alívio que os casos de COVID-19 já estão em declínio po lá, o mesmo, porém, não acontece com a nação européia.

Mas, apesar de o futuro parecer icerto, os italianos não estão sozinhos. Muitos especialistas em saúde da China chegaram a Roma para ajudar os italianos na batalha contra a doença e ajudá-los diante do eminente perigo à saúde pública.

Um grupo de nove especialistas chineses chegou com várias toneladas de instrumentos médicos em um voo especial, para ajudar o país na Europa mais afetado pela pandemia.

Um dos porta-vozes da diplomacia chinesa, Geng Shuang, confirmou o envio de “um grupo de nove pessoas com equipamentos de terapia intensiva, produtos de proteção médica e outros itens”.

Entre os suprimentos que acompanharam esses 9 heróis estão contados: respiradores mecânicos, equipamento respiratório para eletrocardiogramas, dezenas de milhares de máscaras e outros equipamentos, segundo relatório do presidente da Cruz Vermelha Italiana, Francesco Rocca.

Os nove especialistas são seis homens e três mulheres, liderados pelo vice-presidente da Cruz Vermelha Chinesa, Yang Huichan, e pela ilustre professora especializada em ressuscitação cardiopulmonar, Liana Zongan, estão entre os principais especialistas em ressuscitação, pediatria e enfermagem especializada em coronavírus na China, disse Rocca.

Da China, o ministro das Relações Exteriores Wang Yi assegurou ao seu colega italiano Luigi Di Maio o apoio de seu país na luta contra o coronavírus.

“O povo chinês nunca esquecerá o valioso apoio prestado pela Itália quando a China estava passando pelos momentos mais difíceis da luta contra o vírus”, disse ele.

Em tempos de crise global, são necessários gestos como este para avançarmos juntos e nos lembrarmos de que estamos juntos nisso.

***
Destaques Psicologias do Brasil, com informações de Nation.
Fotos: Reprodução.

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


*O conteúdo do texto acima é de responsabilidade do autor e não necessariamente retrata a opinião da página e seus editores.


Compartilhar

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




DESTAQUES PSICOLOGIAS DO BRASIL
Uma seleção das notícias relacionadas ao universo da Psicologia e Comportamento Humano.