O youtuber Felipe Neto fez um honesto desabafo nas redes sociais no último sábado, 1º. Ele revelou estar lutando contra a depressão e afirmou estar conseguindo “sobreviver” graças à ajuda de amigos, da família e de medicamentos.

“Eu caí. Eu caí legal mesmo. E estou lá: no fundo do poço com 20 cm de fezes, que não é suficiente para me afogar, mas o suficiente pra querer afogar. Então? É onde eu estou”, escreveu o youtuber.

“Muita gente diz: ‘Ah ,rico não sofre, porque se tiver triste é só ir para as Maldivas’. As pessoas esquecem que não há força que nos faça querer ir para as Maldivas”, comentou.

O irmão de Lucas Neto ainda disse que tem sido alvo de muitos ataques nas redes sociais, mas quer tirar proveito da situação, tratando como um grande aprendizado. “Não preciso chamar a atenção, graças a Deus (como diria a musa Inês Brasil). E também como diria a musa: ‘é aquele ditado, vamos fazer o quê?’ Bem, a dor ensina.”

Em seu desabafo, Felipe Neto também fez um agradecimento aos amigos pelo apoio neste momento difícil. “Nesse momento, preciso que todos entendam: a gente não vence sozinho. Tentar enfrentar a depressão sozinho é como entrar em campo sozinho e sem goleiro e tentar vencer o Flamengo. Ou Corinthians. Você não vai vencer. Eu só estou aqui, de pé, porque desde que afundei meus amigos organizaram um rodízio pra ficar sempre gente na minha casa, 24h”.

Por fim, o youtuber ressaltou a importância do acompanhamento psiquiátrico para enfrentar a depressão. “Acho que nada disso estaria realmente funcionando se eu não estivesse com acompanhamento psiquiátrico e medicação. A depressão é uma doença da mente, como a gastrite é uma doença do estômago. Amigos e família fazem você se sentir melhor, mas sem remédio, você não vai curar essa gastrite. Enfim, o resumo é: busque ajuda. Não enfrente sozinho”, disse.

***
Destaques Psicologias do Brasil, com informações de Terra.
Fotos: Reprodução/Redes Sociais.

RECOMENDAMOS






Uma seleção das notícias relacionadas ao universo da Psicologia e Comportamento Humano.