O pequeno Tony  perdeu as duas pernas depois de ter sido agredido por seus pais biológicos quando ainda era recém-nascido, o que o levou a ser internado em um hospital infantil em Londres.

Ele foi adotado por uma família que o ama muito e cresceu cercado de amor. Hoje com 5 anos de idade é muito grato pelo hospital que salvou sua vida quando ele era bebê, por isso resolveu fazer algo para retribuir o bem que lhe fizeram.

Como agradecimento por terem salvado sua vida, o garotinho decidiu arrecadar 500 libras para o hospital. Como ele faria isso? Lançando um desafio! Ele se comprometeu a fazer caminhadas pela sua cidade, mesmo ainda tendo dificuldades para se locomover,  com o intuito de incentivar as pessoas a doarem para o hospital. O que ele não imaginaava era que sua determinação o levaria a arrecadar US $ 1,3 milhão.

Tony completou sua caminhada em 30 de junho na frente de uma multidão considerável que o apoiou em sua cidade natal, West Malling, onde também comemorou com sua família adotiva.

“É incrível pensar que algumas semanas atrás, Tony mal podia dar alguns passos. Ele é um menino tão forte e determinado e estamos muito orgulhosos ”, disse sua mãe Paula Hudgell à agência de notícias PA Media no evento.

Tony acabara de aprender a andar de muletas, mas se inspirou para completar o desafio depois de ver o “capitão” Tom Moore, o veterano de guerra inglês de 100 anos que arrecadou mais de US $ 40 milhões para o Serviço Nacional de Saúde fazendo caminhadas em seu quintal.

A força e a generosidade do menino conquistaram a admiração de milhares de pessoas em todo o mundo.

***
Destaques Psicologias do Brasil, com informações de Nation.
Fotos: Reprodução.

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


Compartilhar

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS




DESTAQUES PSICOLOGIAS DO BRASIL
Uma seleção das notícias relacionadas ao universo da Psicologia e Comportamento Humano.