As protagonistas dessa história são Billie Jo e Bobbie Jo, gêmeas idênticas que vivem nos Estados Unidos. Elas desenvolveram um maravilhoso vínculo de fraternidade, sempre se apoiando durante cada uma das dificuldades que enfrentaram ao longo de suas vidas, especialmente por conta de problemas de saúde de Billie e o falecimento de seu irmão mais velho.

Infelizmente, quando as gêmeas tinham 7 anos, Billie foi diagnosticada com leucemia e para se recuperar ela precisava de um transplante urgente. Apesar da pouca idade, Bobbie se dispôs a ajudar a irmã e pediu para ser sua doadora, já que sendo gêmeas idênticas tinham grande chance de serem compatíveis e felizmente, quando realizaram o procedimento, foi totalmente bem-sucedido.

Em uma entrevista para o Today, Billie explicou que “Eu fiz exames médicos todos os meses e depois de chegar aos 15 anos, eles me disseram que eu estava curada.” Porém, 25 anos depois, a americana foi diagnosticada com câncer de mama em estágio 2 e relatou que receber essa notícia “foi chocante, mas disseram que era muito tratável, então eu fiz quimioterapia novamente e depois optei por fazer uma mastectomia dupla, porque eu não queria que isso acontecesse de novo de forma alguma.”

Bobbie ainda disse na entrevista que a notícia deixou todos muito tristes e ela se perguntou por que tais coisas sempre aconteciam com sua irmã. Depois de terminar o tratamento do câncer, Billie esperava começar uma família, mas infelizmente tinha dificuldades de infertilidade e decidiu ir para a Northwestern Medicine em Chicago, com a Dra. Kara Goldman, uma endocrinologista reprodutiva, que poderia ajudá-la.

A especialista disse na entrevista para o Today que depois de fazer um exame médico “ficou muito claro para mim que a quimioterapia tinha causado danos irreparáveis em sua função ovariana, então talvez ela devesse considerar a doação de óvulos e Billie imediatamente me disse ‘minha irmã Bobbie esté de acordo. Ela está falando sobre isso comigo há anos. E a partir daí, esse era o plano.”

Imediatamente, Bobbie fez todo o necessário para doar um óvulo e, felizmente, sua irmã conseguiu engravidar. A notícia foi ainda mais especial quando Bobbie ficou grávida de seu terceiro filho algum tempo depois e as gêmeas viveram parte do período de gestação juntas.

Finalmente, em maio de 2021, Billie realizou seu sonho de ter uma família e se tornou mãe de uma menina que chamou de June, enquanto para Bobbie a chegada de sua sobrinha foi uma grande bênção e ela mencionou que foi uma honra poder ajudar a irmã: “Vendo o sorriso no rosto dela e o sorriso no rosto do marido, sem dúvida ela faria isso de novo cem vezes mais.”

***
Destaques Psicologias do Brasil, com informações de Nation.
Fotos: Reprodução.

RECOMENDAMOS






Uma seleção das notícias relacionadas ao universo da Psicologia e Comportamento Humano.