A ubermodel Gisele Bündchen é sempre lembrada por sua beleza e por seu estilo de vida saudável ao lado da familia. O que talvez nem todos saibam é que ela já teve que buscar ajudara para lidar com a síndrome do pânico.

Em seu instagram, a modelo fez um post bem bonito sobre o assunto:

“Às vezes nos sentimos sozinhos, como se não houvesse saída, mas isso não é verdade. Meus ataques de pânico foram difíceis e procurei ajuda de familiares, especialistas, professores e amigos. Pedir ajuda nunca é um sinal de fracasso, mas um sinal de força, porque vale a pena salvar sua vida”, escreveu a mulher de Tom Brady.

A imagem e o texto da modelo serviram de inspiração para diversos fãs da brasileira que deixaram comentários de apoio e agradecimentos. “Que imagem linda… obrigado por vc emanar tanta luz e amor…e a gente sentir isso no mais profundo da alma”, escreveu uma seguidora. “Obrigada por compartilhar seus medos com a gente, também tenho síndrome do pânico e você me ajudou muito”, escreveu uma fã.

Gisele já tinha falado sobre o assunto antes em seu livro, ‘Aprendizados: Minha Caminhada Para Uma Vida Com Mais Significados’. Na obra, ela conta que sua rápida ascensão no mundo da moda foi o estopim para que ela desenvolvesse muita ansiedade. Segundo a modelo, ela passou a ter medo de túneis, elevadores e espaços fechados, típicos sintomas de quem possui a síndrome do pânico.

***
Destaques Psicologias do Brasil, com infprmações de Jetss.
Foto: Reprodução.

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


Compartilhar

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS




DESTAQUES PSICOLOGIAS DO BRASIL
Uma seleção das notícias relacionadas ao universo da Psicologia e Comportamento Humano.