No pequeno estado de Eswatini, na África, um sul-africano identificado como @lemdzabu no Twitter, realizou um projeto habitacional, por meio de doações, para ajudar a construir uma casa de telhado sólido para uma avó que morava com os netos em uma casa bastante simples, sem nenhum conforto.

A avó morava em uma casa de barro e galhos de árvores, em péssimas condições higiênicas. Por ser um lar improvisado, ela nem pensava em ter acesso a encanamentos ou banheiro.

A iniciativa foi uma proposta deste homem em conjunto com um grupo de cidadãos interessados ​​em oferecer uma vida digna aos menos favorecidos. O projeto começou pedindo donativos nas redes sociais, e depois teve início a construção de uma casa de cimento maciço, na qual a avó e os netos poderiam viver em tranbquilidade, conforto e segurança.

“Agradecemos a contribuição de todas as pessoas de bom coração que tornaram este trabalho possível. Deus abençoe os pobres, os necessitados e os rejeitados”, disse @lemdzabu no Twitter.

Os sul-africanos anunciaram nas redes que tudo seria parte de um projeto de longo prazo, portanto esta casa seria a primeira de muitas outras em um projeto do qual eles não irão parar até que todos tenham sua dignidade restaurada.

Agora só podemos esperar que as mesmas pessoas de bom coração que tocaram este projeto consigam encontrar o financiamento necessário para ajudar o maior número de pessoas possível.

***
Destaques Psicologias do brasil, com informações de UPSOCL.
Fotos: @lemdzabu

RECOMENDAMOS






Uma seleção das notícias relacionadas ao universo da Psicologia e Comportamento Humano.