Adrian Wood é uma mulher que vive na cidade de Edenton, na Carolina do Norte, ao lado do marido e de quatro filhos. Ela matriculou todas as crianças na mesma escola primária, a White Oak Elementary School, e embora os três filhos mais velhos não tenham tido problemas em ir para a escola, Adrian ficou com medo porque não sabia como seria a experiência de Amos, seu filho caçula que é autista. O medo se justificava pelo fato de que, aos 3 anos, o pequeno ainda não falava.

No entanto, Amos teve um anjo da guarda que o ajudou durante sua experiência no jardim de infância. Trata-se do zelador Raymond Brown, que trabalha na escola há mais de 15 anos e conquistou o coração de todos com sua personalidade afetuosa e gentil.

Segundo o diretor da instituição, Michelle Newsome, “Ele [Raymond] é a base do que fazemos aqui. O que torna o Sr. Brown tão especial é que ele trabalha muito para construir relacionamentos com os alunos, relacionamentos sinceros que muitos de nossos alunos não teriam de outra forma.”

E como esperado, o Sr. Brown percebeu imediatamente que o pequeno Amos era muito tímido, mas estava disposto a ajudá-lo a ser aceito por seus colegas e assim começar a desenvolver amizades com as outras crianças. Em entrevista à mídia local, Raymond falou sobre isso “Meu coração se compadeceu dele, quando o conheci mostrei meu carinho e ele entendeu isso, ele se juntou a mim e eu cuidei dele, então dei a ele o nome: Famoso Amos”.

Graças ao apelido do Sr. Brown, as outras crianças da escola começaram a chamá-lo assim também, e aos poucos seus colegas começaram a interagir com ele. Adrian, a mãe do menino, mencionou que “Amos deixou de ser um garotinho que realmente não falava com ninguém, para ser bastante popular na escola, e eu dou muito crédito ao Sr. Brown por isso. Como todos o adoram e prestam um pouco de atenção no Amos, então todos diriam ‘bom, Amos é ótimo’ e ele pode não ser o tipo de amigo que brinca … ou fala, mas as crianças realmente gravitavam em torno dele, e como mãe de um filho com autismo, isso é tudo que eu quero da vida para ele”.

A ajuda do Sr. Brown teve um impacto real na vida de Amos e por isso, Adrian sempre expressou sua eterna gratidão. Certa vez, Adrian soube que o zelador foi nomeado para um concurso de Heróis das Escolas da Carolina do Norte, cujo prêmio era $ 10.000 USD, mas infelizmente não ganhou; e foi então que ela decidiu agir. Adrian se encarregou de criar seu próprio prêmio em homenagem ao homem que tanto ajudara seu filho. Para isso, usou o blog, ‘Tales of the Educated Debutante’ para contar sobre o extraordinário trabalho do zelador. A partir daí, ela contou com a ajuda da comunidade para arrecadar $ 35.000 dólares (cerca de 197 mil reiais) para o Sr. Brown.

Mais tarde, Adrian e outros membros da comunidade aproveitaram uma sessão de fotos que o Sr. Brown estava tirando com sua família em 30 de março de 2021 e o surpreenderam com seu merecido prêmio e uma bela cerimônia celebrando seu magnífico trabalho como um verdadeiro herói que é.

***
Destaques Psicologias do Brasil, com informações de Nation.
Fotos: Reprodução.

Compartilhar

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS




DESTAQUES PSICOLOGIAS DO BRASIL
Uma seleção das notícias relacionadas ao universo da Psicologia e Comportamento Humano.