Uma mãe foi acusada de causar o óbito da filha de três anos após balançá-la em uma varanda e deixá-la cair. Anna Ruzankina, de 23 anos, teria pendurado a filha a mais de 18 metros de altura como punição por ela estar chorando sem parar. O caso aconteceu na cidade russa de Saratov.

A menina foi ouvida suplicando: ‘Mamãe, estou com medo” antes de cair. Imagens que circulam pelas redes sociais mostram os momentos finais de sua queda antes de atingir o solo.

Ruzankina ainda é vista no elevador carregando o corpo da filha até o apartamento da família no sexto andar da família, como relata o Life News.

O vídeo mostra a mãe sacudindo a criança sem vida como se estivesse tentando reanimá-la. Relatórios dizem que a mãe estava segurando a menina na beira da varanda pela camiseta. A camisa rasgou e a criança caiu.

Um transeunte do sexo masculino – visto no vídeo angustiante – disse ter ouvido “gritos altos de uma criança vindo de um andar superior”.

Ele acrescentou: “E de repente eu ouvi um som de queda. Os gritos pararam.

“Quando me virei, vi uma garotinha caída no asfalto.

“Corri para ligar para o serviço de emergência. Fiquei tão chocado.”

Os vizinhos disseram que a mãe alegou que a filha havia escalado a varanda sozinha.

Ela foi ouvida dizendo: “Eu disse que ela iria cair.”

Ruzankina foi detida e pode pegar até 21 anos de prisão se for condenado.

***
Destaques Psicologias do Brasil, com informações de Daily Star.
Fotos: Plohie Novosti.

RECOMENDAMOS






Uma seleção das notícias relacionadas ao universo da Psicologia e Comportamento Humano.