Todos nós assumimos riscos todos os dias. É apenas uma parte de estar vivo.

De dirigir até o trabalho até andar de bicicleta ao redor do bairro, muitas vezes não pensamos sobre como nossas atividades diárias têm o potencial de se transformar em eventos devastadores. Hailey Cheng tinha apenas 11 anos quando, em uma fração de segundo, viu sua vida mudar para sempre.

GoFoundMe

Em julho de 2018, Hailey e seu irmão, Darren, visitavam parentes em Calgary, Alberta (EUA), por uma semana. Aproveitando o clima de verão, todos pensaram que seria divertido caminhar até as cataratas Troll Fall, em Kananaskis. Mas quando chegaram ao topo das quedas, Hailey escorregou. Hailey caiu na beira da cachoeira, batendo nas rochas quando descia. Ela teve sorte de sobreviver.

GoFundMe

Entre outras graves lesões, Hailey sofreu uma fratura no crânio, uma fratura nas costas e teve uma medula espinhal decepada. Ela ficou paralisada da cintura para baixo e teve que se adaptar a viver em uma cadeira de rodas, o que não tem sido fácil, considerando que a casa de sua família não é para cadeiras de rodas … ou melhor, não foi, até que pessoas incrivelmente generosas entraram em cena.

Facebook

A família sabia que, a fim de tornar a vida mais fácil para Hailey, eles precisariam de reformas para a maioria de sua casa para torná-la acessível a cadeiras de rodas. Isso incluía ampliar as portas, pegar uma escada e reformar o pequeno banheiro de Hailey. A família da menina criou uma campanha de arrecadação de fundos através do GoFundMe para ajudar a cobrir o custo maciço de todas essas mudanças. Foi quando uma empresa de construção civil percebeu e fez uma oferta inacreditável.

GoFundMe

Quando a empresa Alair Homes ouviu a história de Hailey, eles disseram à família que ficariam felizes em reformar sua casa… de graça! Em apenas duas semanas, um grupo de voluntários organizados pela empresa instalou um teleférico e um novo piso no andar de cima, e reformou o banheiro para torná-lo mais acessível a partir do quarto de Hailey.

GoFundMe

“Foi um desafio. Foram algumas horas de trabalho intenso.” , disse Paul McGavigan, sócio da Alair.

Facebook.

Agora Hailey pode facilmente subir e descer as escadas. Antes, ela ficava apenas no primeiro andar. Enquanto a vida ainda é muito desafiadora para Hailey, suas atividades diárias são muito menos difíceis, graças a todas as pessoas que dedicaram tempo e esforço para ajudá-la.

Se cada um desse um pouco de si para ajudar o próximo, imagine a diferença que poderíamos fazer para as pessoas necessitadas!

***
Traduzido por Destaques Psicologias do Brasil de Inspire More.
Foto destacada: Facebook.

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


*O conteúdo do texto acima é de responsabilidade do autor e não necessariamente retrata a opinião da página e seus editores.


Compartilhar

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




DESTAQUES PSICOLOGIAS DO BRASIL
Uma seleção das notícias relacionadas ao universo da Psicologia e Comportamento Humano.