Uma menina de 11 anos decidiu ir de terno e gravata borboleta em uma festa de fim de ano escolar em Morley (Inglaterra) e foi observada e criticada por seu traje, a tal ponto que resolveu ligar para a mãe para pedir-lhe em prantos que viesse buscá-la.

Mischa Parker comprou o terno com a mãe dias antes do evento. Como nenhuma das peças do setor feminino combinava com ela, ela optou por esse luxuoso traje preto da seção infantil. “Ela estava incrível, muito estilosa”, disse sua mãe Tamara ao SWNS.

Mas toda a alegria que ela viveu ao usar seu novo traje foi completamente apagada quando ela chegou ao baile. Havia alguns pais dos meninos assistindo ao evento, e cada vez que Mischa passava, ela ouvia gracejos dos adultos, que a chamavam de “a garota de terno” enquanto eles riam ao vê-la.

E, claro, a pobre garota foi muito afetada por essa crueldade, então ela quis ir embora imediatamente.

“Mischa normalmente não é muito emotiva, não demonstra muitas emoções, também não costuma ficar zangada. Ela apenas tem um caráter forte. Quando vim procurá-la, abracei-a, ela começou a chorar e disse ‘tenho que sair daqui'”., disse Tamara Auty, mãe de Mischa, para a SWNS.

De acordo com a história de Tamara, a menina perguntou-lhe com o coração partido se ela deveria “mudar seu estilo de vestir”, já que geralmente usa roupas mais largas e masculinas.

Mas a mãe respondeu que não, que ela deveria ser quem ela quer ser. Por esse motivo, agora Tamara quer trabalhar para criar consciência sobre o impacto que o bullying pode ter, não apenas na infância.

“Trabalho com pessoas em crise, vejo pessoas afetadas pelo bullying e acho isso horrível, principalmente quando se trata de adultos que deveriam ser mais maduros. Se ela [Mischa] tivesse ido ao baile de gala com um vestido, não estaria confortável. Por que ela tem que ser impedida de ser feliz?”, disse Tamara Auty, mãe de Mischa, para SWNS.

***
Redação Conti Outra, com informações de UPSOCL.
Fotos: Tamara Auty.

RECOMENDAMOS






Uma seleção das notícias relacionadas ao universo da Psicologia e Comportamento Humano.