Morgan Freeman, de 81 anos, é ator de reconhecido talento, produtor, narrador e diretor de cinema, e nos últimos anos têm se dedicado também a um novo hobby: apicultura.

As abelhas são extremamente importantes para o equilíbrio dos ecossistemas, uma vez que, na busca do pólen, sua refeição, estes insetos polinizam plantações de frutas, legumes e grãos. Esta polinização é indispensável, pois é através dela que cerca de 80% das plantas se reproduzem.

A ação do homem, entretanto, está colocando em risco a sobrevivência das abelhas. A utilização excessiva de pesticidas ou agrotóxicos destinados a exterminar alguns animais que afetam a agricultura, tem vindo, igualmente, a eliminar as abelhas. De forma semelhante, outros químicos, utilizados para promover um maior crescimento das plantas, prejudicam a polinização, colocando em risco o próprio ecossistema.

Felizmente, há uma contracultura: pessoas do mundo todo estão se mobilizando para ajudar esses pequenos insetos, seja cultivando em casa plantas e flores que as abelhas apreciam, seja se organizando politicamente com petições e passeatas que pressionam as autoridades a endurecer a legislação de pesticidas, conclamando os governos a adotarem medidas de proteção e valorização da importância desses animais.

Foto: Wikimedia Commons

Nesse contexto, o ator Morgan Freeman se tornou notícia recentemente por anunciar que converteria sua fazenda de 124 acres (aproximadamente 51 hectares, ou 1 milhão de m²) no estado do Mississípi (EUA) em um grande santuário de preservação para abelhas silvestres.

O santuário será preenchido com dezenas de milhares de flores e plantas que as abelhas adoram – de árvores frutíferas à magnólias e lavandas, todas em absoluta abundância.

Freeman tem se empenhado na causa por entender a importância desses insetos para o ecossistema global.

Ele revelou a Fallon que não precisa utilizar proteção apicultora para cuidar de suas preciosas polinizadoras. No Santuário, há incontáveis plantas apícolas, ideais para as abelhas, e não se utiliza pesticidas, tampouco engenharia genética. Tudo ali é 100% natural.

Ao final da entrevista, Morgan contou o que motivou ele a criar e cuidar das abelhas em sua fazenda, além do seu ativismo na defesa delas. “Há um esforço enorme para salvar o que resta da população de abelhas… Nós não percebemos que elas são o fundamento, penso eu, do crescimento do planeta e da vegetação”.

Com essa iniciativa individual, Morgan Freeman têm inspirado pessoas de diversos lugares a fazerem o mesmo.

Foto: Reprodução / Sapo.pt

O Santuário de Abelhas acabou se tornando um símbolo político de ação contra a morte em massa de abelhas, provocadas por fatores que ameaçam sua subsistência – como o uso de pesticidas e fungicidas em plantações que contaminam o pólen que elas coletam para alimentar a colmeia.

***
Destaques Psicologias do Brasil, com informações de Razões Para Acreditar e Jovens Repórteres Para o Ambiente.
Imagem destacada: Montagem – Sapo.pt e Wikimedia Commons.

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


*O conteúdo do texto acima é de responsabilidade do autor e não necessariamente retrata a opinião da página e seus editores.


Compartilhar

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




DESTAQUES PSICOLOGIAS DO BRASIL
Uma seleção das notícias relacionadas ao universo da Psicologia e Comportamento Humano.