De acordo com uma pesquisa realizada pela Universidade de Waterloo, no Canadá, o esforço que o seu filho faz para entender o outro e ser compreendido quando conversa com outra criança é um facilitador no processo de aprendizado da linguagem.

“Ao conversar com outra criança, seu filho aprende de forma dinâmica a associar uma nova palavra a um objeto, uma parte importante da aquisição de vocabulário”, explica a psicóloga Katherine White, coautora do estudo.

Segundo a fonoaudióloga Elisabete Giusti, que é especialista em desenvolvimento da fala e da linguagem, o diálogo do adulto é mais sofisticado e constante, enquanto o discurso infantil tem ritmo e velocidades variados, o que torna a compreensão mais complexa. “A criança fala, corre, grita, imita, busca um objeto para demonstrar. São muitas etapas que acontecem rapidamente e tornam o bate-papo muito mais enriquecedor.”

***
Destaques Psicologias do Brasil, com informações de Revista Crescer.
Foto destacada: ELIZAVETA GALITCKAIA / SHUTTERSTOCK

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


*O conteúdo do texto acima é de responsabilidade do autor e não necessariamente retrata a opinião da página e seus editores.


Compartilhar

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




DESTAQUES PSICOLOGIAS DO BRASIL
Uma seleção das notícias relacionadas ao universo da Psicologia e Comportamento Humano.