Uma professora de pré-escola na pequena cidade de Pennsauken Township, no estado americano de Nova Jersey, foi denunciada pelos pais de seus alunos pelas curvas acentuadas de seu corpo, que segundo eles “distraem seus filhos”.

O caso viralizou após o perfil da professora no Instagram ser preenchido com comentários dos pais, que destacaram suas curvas. De acordo eles, a figura dela distrai os filhos, que tem entre 4 e 5 anos, e lhes dá um péssimo exemplo, embora não haja reclamações sobre sua forma de ministrar a aula que lhe foi designada.

Em sua conta no Instagram, a professora de artes, que se identifica nas redes apenas como “Toyboxdollz”, publica frequentemente sobre educação de crianças filhos, mas também sobre a importância de ter uma imagem corporal positiva e receptiva. Nos vídeos que publica no YouTube, ela, que é mãe de uma menina, diz querer que as meninas saibam que precisam se sentir confortáveis com a própria aparência.

Os fãs da professora nas redes sociais garantem que as denúncias contra ela por causa de seu corpo são discriminatórias e que pretendem deixá-la desempregada apenas por causa de suas curvas pronunciadas.

Até agora, apesar da pressão dos pais, a professora continua dando suas aulas.

Não é o primeiro caso que rouba a atenção dos usuários nas redes sociais. Enquanto alguns dizem que ela deveria se vestir com mais recato para esconder o corpo, outros descrevem as queixas como inveja.

***
Destaques Psicologias do Brasil, com informações do Extra.
Fotos:

RECOMENDAMOS






Uma seleção das notícias relacionadas ao universo da Psicologia e Comportamento Humano.