Um professor aposentado de 94 anos do Quênia chamado Nduhiu Njama decidiu transformar sua residência localizada em Tetu, no condado de Nyeri, em um lar para idosos.

A mansão foi construída em 1992 em um espaço de 2,4 hectares que foi a casa de Nduhiu com sua esposa Gladys antes de seu falecimento.

A decisão de doar sua mansão foi tomada em prol de sua comunidade e em homenagem ao sonho que teve com sua esposa. “Antes do falecimento de minha esposa em 2003, sempre quisemos fazer algo para contribuir com a sociedade, mas não o fizemos na época. Agora que ela se foi, não tenho com quem dividir a propriedade”.

Assim, constatando as deficiências no sistema de atenção ao idoso em seu município, Nduhiu considerou que o melhor uso para sua residência seria o apoio a esse grupo vulnerável.

Como muitos jovens mudam-se constantemente para cidades maiores ou outros países em busca de trabalho, os idosos são deixados sozinhos e com pouco apoio de suas famílias ou ajuda do governo.

A casa de repouso será administrada por uma organização sem fins lucrativos chamada Fundação Gladys and Njama, que Nduhiu criou em 2015 e que se concentra no apoio a meninas com grande potencial, mas cujas famílias não podem pagar sua educação.

O professor queniano sempre foi muito comprometido com a educação, pois durante sua infância enfrentou diversas dificuldades para poder ingressar na escola, já que em sua cidade natal, Ol-Pejeta, a educação Nanyuki era acessível apenas a caucasianos. Seguindo esse pensamento, o pai de Nduhiu acreditava que a escola alienava os africanos de sua cultura.

No entanto, Nduhiu fugiu de casa para viver com sua avó, onde acabou estudando na escola primária. Embora não pudesse pagar a escola secundária, ele se juntou ao exército durante a Segunda Guerra Mundial, o que posteriormente lhe permitiu entrar na escola para ex-combatentes e conseguiu se tornar professor.

Várias décadas depois, Nduhiu expressa seu apreço pelas oportunidades que teve e continua contribuindo ativamente para a sociedade ajudando jovens e idosos.

Sem dúvida, um homem que faz a diferença para a sua comunidade.

***
Destaques Psicologias do Brasil, com informações de Nation.
Fotos: Reprodução.

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


Compartilhar

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS




DESTAQUES PSICOLOGIAS DO BRASIL
Uma seleção das notícias relacionadas ao universo da Psicologia e Comportamento Humano.