Um chefe tóxico não é apenas aquele que usa métodos baseados em punições para aumentar a produtividade, mas também aquele que tem uma série de comportamentos que acabam causando medo de ir ao trabalho, ansiedade ou baixa auto-estima. A pessoa que sofre com um chefe tóxico não sabe se está realmente fazendo algo errado, sente culpa e baixa auto-estima e não sabe como sair dessa situação.

Quando o medo é o sentimento predominante no ambiente de trabalho, é preciso começar a considerar se o seu chefe se tornou uma pessoa tóxica dentro da empresa. Isso realmente não depende do poder, mas de como é usado para satisfazer inseguranças e má gestão emocional. Como vemos entre irmãos ou com alguns casais, um chefe também pode se tornar tóxico, com consequências muito negativas para todos os funcionários, embora sempre existam alguns que sofrem mais que outros.

Detectar um chefe tóxico nos permite encontrar uma maneira de dizer não e, quando chegar a hora, trocar de emprego. Estes sinais te ajudarão a identificar se o seu chefe é tóxico:

1. Desequilíbrio

Cada trabalho possui uma série de direitos, como descanso ou respeito às refeições. Isso também implica que, quando você estiver fora do escritório, seu chefe não deve ligar ou escrever para você no WhatsApp. O mau chefe não respeita os direitos mínimos e utiliza o poder através do medo, fazendo ameaças.

2. Necessidade de controle

Independentemente de sua experiência e valor, o chefe tóxico precisa controlar cada um de seus movimentos. Ele precisa saber o que você faz todos os dias e quais resultados está obtendo.

3. Bullying

Os gritos são constantes e, em muitos casos, vemos humilhação pública e privada.

4. Ele não sabe nada sobre você

Esses tipos de chefes não se importam com a sua vida. Na verdade, eles geralmente não sabem se você é casado ou tem filhos. Eles cortam todas as informações privadas porque estão interessadas apenas nos números que você obtém para a empresa.

5. Má gestão de conflitos

Embora pareçam muito fortes, seu caráter tende a ser fraco, inseguro e com poucas habilidades sociais. Quando há um conflito que precisam resolver eles se escondem.

Infelizmente, ainda existem muitas pessoas que acreditam firmemente na punição e usam o poder para coagir. Resta a cada um saber quais são os seus limites e saber dizer não quando necessário.

***
Destaques Psicologias do Brasil, com informações de El Periódico.
Imagem destacada: Reprodução/A Mente é Maravilhosa.

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


Compartilhar

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS




DESTAQUES PSICOLOGIAS DO BRASIL
Uma seleção das notícias relacionadas ao universo da Psicologia e Comportamento Humano.