Jorge Anísio, de 47 anos, é mais um entre os muitos brasileiros que enfrentam duras dificuldades usando como arma o sorriso e a vontade de vencer. Após ficar desempregado em 2009, ele teve que se reinventar e montou uma barraquinha para vender coco no bairro de Bonsucesso, no Rio de Janeiro. E a empreitada deu tão certo que Jorge não só conseguiu sustentar a família com as vendas como também comprou um aparatamento e uma kombi.

A barraquinha de cocos de Jorge, instalada em um dos locais mais movimentados da cidade, chega a vender no verão mais de 250 cocos por dia.

‘Já estou há quase 10 anos por aqui, eu nem imaginava que o coco iria virar meu sustento, mas foi com ele que comprei meu apartamento, minha Kombi e levo o sustento da minha familia’, contou ele ao VozDaComunidade.

Jorge na barraca de coco – Foto: Vilma Ribeiro/Voz das Comunidades

E se engana quem pensa que sua rotina é fácil. Jorge começa a jornada de trabalho de madrugada.
‘Eu acordo todos os dias as 2h da manhã, vou até a Cadeg buscar o coco, deixo a Kombi com o coco aqui na praça, vou pra casa descansar um pouco e a partir das 7h já estou aqui para atender o povo. E, olha, quem vem aqui e toma minha água de coco, sempre volta’.

Alex Oliveira é um cliente assíduo da água de coco do Jorge – Foto: Vilma Ribeiro/Voz das Comunidades

Ele conta ainda que tem uma lixeira especial para que nenhum cliente jogue lixo no chão. Jorge vende água de coco desde o copo de 100ml até garrafas de 1L, com os preços que vão de R$3,00 até R$12,00. Ele aceita até cartões de crédito e débito para facilitar a vida do cliente.

O empreendedor pensa agora em expandir seu negócio. Ele pretende colocar mais algumas barraquinhas de água de coco pela Zona Norte.

“Eu e minha esposa, estamos vendo pessoas responsáveis que venham somar com a gente nisso, porque quero continuar levando água de coco de qualidade por ai. E sempre falo a gente não pode ter medo de tentar, de começar e eu quero seguir com minha água de coco’, concluiu.

***
Destaques Psicologias do Brasil, com informações de VozDaComunidade e SNB.
Foto destacada: Vilma Ribeiro/Voz das Comunidades.

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


*O conteúdo do texto acima é de responsabilidade do autor e não necessariamente retrata a opinião da página e seus editores.


Compartilhar

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




DESTAQUES PSICOLOGIAS DO BRASIL
Uma seleção das notícias relacionadas ao universo da Psicologia e Comportamento Humano.