O planeta Terra é habitado por cerca de 7 milhões de pessoas, cada uma com uma história e vida diferente. Muitos amantes da música, outros dos esportes e outros das obras de arte. Cada um reza aos seus deuses, mas a verdade é que todos nós merecemos viver com dignidade, com respeito e igualdade de condições, e isso é exatamente o que Dom Baldemar procurava.

O vovô mexicano foi originalmente fotografado em uma praça na Cidade do México, enquanto desenhava e vendia sua arte para sobreviver.

Felizmente, as redes sociais e o bom coração das pessoas conseguiram ajudá-lo a ter sua própria exposição, além de lhe dar doações em dinheiro e, claro, o reconhecimento pelo seu grande trabalho.

Baldemar viralizou em pouco tempo e sua história tocou o coração de todos os mexicanos.

Don Baldemar morava nas ruas em frente a uma rede de cinemas. Para conseguir dinheiro, ele desenhou e vendeu sua arte por alguns pestos. Seu talento é inegável, mas ele nunca teve a oportunidade de demonstrá-lo.

Por meio do Twitter, foi divulgada sua história, que atingiu milhares e milhares de interações. O incrível não foi só o alcance que Dom Baldemar conseguiu ter, mas a ajuda que recebeu. A jovem que recebeu o dinheiro prometeu dar tudo ao vovô e ajudá-lo a encontrar um lar para que ele possa sair das ruas.

“Ontem trouxemos para ele o dinheiro que todos vocês de bom coraçã puderam de doar. Dom Baldemar não aceitou tudo para sua segurança, pois mora na rua e o dinheiro o colocaria em risco, então combinamos com ele em economizar e trazer quantias semanais para ele. ”

Além de doações em dinheiro, muitas pessoas enviaram presentes, mas o idoso não pôde receber todos no momento por falta de moradia.

Felizmente, as boas ações das pessoas permitiram a Don Baldemar hospedar-se em um hotel, para depois abrir uma conta bancária e posteriormente concluir a exposição de sua arte.

“Obrigado Deus, você me enviou alguns anjinhos.”, disse o vovô.

Quando soube que poderia expor suas obras, Baldemar ficou tão animado que disse que “obras-primas” teriam que ser feitas para sua exposição.

O avô também criou uma conta no Instagram onde carrega seus trabalhos e o resultado de sua exposição.

Isso é o que acontece quando todos nós fazemos nossa parte. O segredo é não ficar indiferente, não esquecer que existem muitas pessoas em situações deploráveis ​​e que somente precisam de um empurrãozinho. Às vezes, uma boa palavra pode fazer a diferença.

***
Destaques Psicologias do Brasil, com informações de Nation.
Fotos: Reprodução.

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


Compartilhar

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS




DESTAQUES PSICOLOGIAS DO BRASIL
Uma seleção das notícias relacionadas ao universo da Psicologia e Comportamento Humano.