segunda-feira, dezembro 16, 2019

Quando acaba a fluoxetina

Por Maria Gabriela Veridiano De repente, o universo de fluoxetina começa desmoronar. É, amigo, não dá mais para disfarçar. Quem acredita em deuses, reza. Quem acredita na palavra,...

Por trás de toda depressão, existe uma vontade enorme de ser...

De repente você não tem ânimo para nada. Não quer sair do quarto, que, a propósito está uma bagunça sem fim; não tem vontade...

Como diferenciar estresse, depressão e ansiedade

A cada dia, escutamos essas três palavras com mais frequência. De fato, hoje em dia esses são os três transtornos psicológicos mais habituais. O...

Quando nosso cérebro escolhe não sentir para não sofrer

Pense nestes aspectos durante alguns momentos e lembre-se sempre de que viver é SENTIR em toda sua intensidade. Seja no seu lado positivo ou no negativo.

A depressão vista por dentro

Por Luiz Higino Polito Dizemos depressão, mas existem muitas outras anomalias da mente que são semelhantes, e que nos deixam num estado de desânimo e...

Os monstros que carregamos: reflexões acerca da depressão.

Por Raquel Avolio “Um, dois, três... vá, você consegue. Você não apenas consegue, você também precisa. Um, dois, três... por favor, vamos, você não tem...

INDICADOS